Escolha uma Página

Saiba mais sobre o niguiri, um famoso tipo de sushi

niguiri gostoso

Popular entre os brasileiros, o niguiri é um dos principais pratos da comida japonesa. No Brasil, aliás, este tipo de culinária ganha cada vez mais adeptos, sendo a segunda preferida dos brasileiros, perdendo apenas para o churrasco.

Mas, apesar do sucesso, muitas pessoas ainda têm dificuldade em diferenciar os tipos de pratos e, principalmente, relacionar os nomes aos sabores. Por isso, se você está embarcando agora neste mundo, continue lendo este artigo e aproveite para experimentar um niguiri.

Afinal, esta é uma das iguarias ideais para quem está planejando a sua primeira experiência.

 

Niguiri: características do prato

De preparo simples e prático, o niguiri consiste em uma porção pequena de arroz e pedaços de peixes e outros frutos-do-mar por cima. Alguns restaurantes incluem, ainda, um pouco de wasabi, um tempero de textura pastosa e sabor picante muito usado na culinária japonesa.

Com um formato oval e sabor profundo e marcante, justamente por ter o peixe como a estrela do prato, o niguiri é normalmente comido com as mãos. Mas, não se preocupe: apesar de esta ser uma tradição milenar, o uso do hashi também está correto.

Neste contexto, o mais importante é respeitar a delicadeza do prato e aproveitar o alimento da melhor forma possível. Isto é, o sushi deve ser comido inteiro para que seja possível sentir as texturas e a intensidade.

LEIA MAIS: Uramaki: um sushi invertido para você se deliciar!

 

Confira os tipos mais comuns de niguiri

Há inúmeras possibilidades e variações de niguiri no mercado. Ele pode ser, por exemplo, de salmão, camarão, atum, polvo e até lula, para quem deseja uma experiência marcante e única. Além das opções com frutos do mar, o Djapa oferece pratos vegetarianos, como é o caso do niguiri de shimeji.

Desta forma, a escolha fica a critério do cliente. O ideal, no entanto, é iniciar com elementos mais comuns e leves, como o próprio salmão – ou shimeji –, e avançar ou mudar o pedido de forma gradativa.

Os acompanhamentos também são importantes – não apenas neste prato, mas em todos os presentes na culinária japonesa. Assim, além do já tradicional molho shoyu, o saquê pode ser a chave para garantir uma explosão de sabores.

LEIA TAMBÉM: 4 tipos de sushi para você conhecer

 

Onde saborear o melhor niguiri de São Paulo?

Você pode conferir inúmeras opções de sushis – e niguiris – diferentes no Djapa!

Eleito um dos melhores rodízios de comida japonesa pela revista Veja Comer & Beber São Paulo 2018/2019, o restaurante Djapa oferece um sistema inovador de rodízio com pratos tipicamente orientais, incluindo ostras, camarão, lula, entre outros.

O Djapa nasceu em 2004, na cidade de Arujá, região metropolitana de São Paulo. Anos depois, inaugurou sua segunda unidade, em Mogi das Cruzes (SP), e em 2014 chegou à capital paulista, com a casa de Moema, zona sul de São Paulo.

Com ambiente aconchegante e uma equipe sempre empenhada em atender bem, o Djapa funciona diariamente, no almoço e no jantar, com cardápio tradicional completo, menu executivo e vegetariano.

Além do reconhecimento da revista Veja, o Djapa foi escolhido como o restaurante japonês número 1 de São Paulo pelas avaliações do site TripAdvisor e ganhou o prêmio de melhor rodízio de comida japonesa da capital paulista pela revista Go Where Gastronomia e pela rádio Jovem Pan em 2019.

 

Se preferir, faça seu pedido pelo delivery!

As unidades Moema, Mogi e Arujá do Djapa atendem você pelo Biz Food! Para fazer seu pedido no Djapa Mogi, clique aqui.

Se você está mais perto da unidade Moema, clique aqui.

E para pedir os pratos do Djapa Arujá, clique aqui.

Você também pode fazer seu pedido pelo aplicativo iFood, escolhendo pratos das unidades Moema e Mogi.

Outra opção é pedir pelo telefone e retirar diretamente no restaurante, em horário agendado e com toda segurança. Contate-nos: 11 4726-8773 e 4726-5997 (Djapa Mogi) e 11 2691-2003 e 11 2691-2004 (Djapa Moema).

0 comentários